sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Comer, Rezar e Amar

Estou super ansiosa para assistir Comer, Rezar e Amar. O filme foi produzido a partir do Best Seller de Elizabeth Gilbert, um sucesso nos USA e no Brasil. A autora narra suas memórias de viagem ao redor do mundo. Depois de ter separado do marido, Elizabeth se demite e vai buscar a paz de espírito na Itália, Índia e Indonésia. Gostei tanto do roteiro escolhido que separei o que há de melhor dos três lugares.



Itália - Roma

Andar pelas ruas de Roma é conhecer uma dos maiores acervos de historia da humanidade. Além dos inúmeros monumentos, fontes luminosas, Roma também é famosa pelos bons restaurantes e cafés animados.



Da Ivo a Trastevere

Esse é um dos restaurantes famosos de Roma por isso é preciso chegar cedo, uma mesa nesse restaurante é algo muito concorrido. Vários tipos de pratos são servidos, mas o forte da casa é pizza que não é nada semelhante â nossa pizza brasileira.

Pratos típicos romanos que vale a pena provar: bucatini que é um espaguete com um furo no centro, os molhos entram dentro uma delicia, la amatriciana é uma pasta ao molho de tomate fresco com panceta uma das mais pedidas, pasta alla carbonara com molho branco feito com ovo, panceta, cebola, fiori di zucca fritti são flores de abóbora fritas e servidas como petiscos.



Índia - Rishikesh

Para conhecer a Índia é necessário se livrar de todos os preconceitos. Os hábitos, a religião até a culinária, tudo completamente oposto a nós, porém isso que faz uma viagem a Índia ser tão encantadora.



Para relaxar nada como uma massagem ayurvedica, é muito comum por lá. É uma massagem com óleos que libertam as toxinas do corpo.



Ashram, o lado zen da Índia. È como um templo nas montanhas onde as pessoas se hospedam para conhecer e seguir as doutrinas dos gurus, fazendo um retiro espiritual.



Indonésia – Bali

O paraíso dos surfistas, eles vão para indonésia com o intuito de pegar enormes ondas, mas muitos ficam. Os nativos são irresistíveis, as pessoas mais humildes e doces da Indonésia.



Templo Pura Tirta Empul

Considerado um dos templos mais sagrados de Bali. No local, várias bicas e piscinas retangulares onde as pessoas vão se banhar e beber a água do templo. Segundo a tradição a água rejuvenesce de dois anos a três anos.



Elizabeth descobre o melhor de cada destino, na Itália comer, na Índia rezar e em Bali ela se apaixona. Agora é só aguardar o filme estrear no Brasil e conhecer pessoalmente a rota de comer, rezar e amar.

Um comentário: