segunda-feira, 14 de junho de 2010

Turismo na Melhor Idade

Hoje vou falar de um grupo de pessoas que a gente nunca mencionou aqui no blog, a terceira idade. Esse seguimento do turismo vem crescendo cada vez mais, os aposentados são ótimos viajantes. Nessa época da vida há muito mais tempo para viajar pelo mundo. Só é necessário tomar alguns cuidados.




Dicas para aproveitar a viagem:

1- Faça poucos deslocamentos por dia. Os idosos se interessam mais pela cultura da cidade que estão visitando, essa “sede” de informação resultam muitas horas em museus e visitas turísticas.
2- Exija mais paradas nas estradas. O ideal é não ficar sentado por muitas horas seguidas. Os ônibus devem ter banheiro a bordo.
3- Cheque com o guia a sua lista de remédios. Ele deve estar ciente de toda medicação que os viajantes tomam e, acompanhar o seu uso.
4- Seguro-saúde é fundamental. Os pacotes em geral já incluem o produto. Mas é sempre bom certificar-se antes com a agência de viagens.
5- Carregue uma bagagem leve. Os contínuos deslocamentos exigem malas práticas.
6- Outras recomendações são para todo o tipo de turista, sempre beber muita água, se expor ao sol em horários de pouca isolação.



Viaja mais melhor idade

Pensando em apoiar essa faixa etária o Ministério do Turismo, lançou o programa Viaja mais melhor idade, que dá descontos em preços e condições especiais de pagamento para as pessoas que tem mais de 60 anos ou é aposentado ou pensionista, é um dos mais vendidos nas agências de viagens.



O programa colabora também com as cidades turísticas que recebem os aposentados. Isso aquece o mercado de turismo até em época de baixa temporada, pois os idosos têm disponibilidade de tempo o ano todo. Os pacotes de viagens geralmente envolvem atividades recreativas e culturais para idosos, além de estimular a saúde com atividades físicas e cuidados na alimentação.



E quem faz viagem a turismo, independente a idade, sabe que viajar é quase como uma terapia. E agora só não viaja quem não quer, porque hoje a velhice chega cada vez mais tarde e a impossibilidade de viajar também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário